Baianinho

baianinho1948

Antenor Silva, nascido em 15 de agosto de 1924 na Bahia foi policial militar no distrito federal quando a capital era o Rio de Janeiro. Baianinho, apelido como ficou conhecido, começou a praticar luta livre em São Paulo quando passou a frequentar os espetáculos de Catch disputados no Ginásio do Pacaembu.

Baianinho trabalhava em São Paulo quando foi chamado a integrar o terceiro escalão da FEB durante a Segunda Grande Guerra, durante a preparação ele teve que se dividir entre os treinos de Luta Livre e os treinamentos como soldado. Quando seu navio chegou em Nápoles ele já havia se tornado o campeão do terceito Escalão que formalizou competições durante a viagem entre os marinheiros e soldados.

sargentoPM1955

Ao chegar no RJ, ingressou no Clube de Regatas do Flamengo sob a supervisão do lutador e treinador Cabo Verde e depois passou a se aperfeiçoar com Tatu, maior expoente nacional da Luta Livre.

baianinhocomsmithkojackporquinho
Da esquerda pra direita: Smith, K.O. Jack, Porquinho e Baianinho.

Baianinho estreou em 7 de março de 1944 como atleta do Flamengo e tinha Raimundo Piragibe (também atleta do Flamengo) como maior adversário. Seu golpe preferido era o estrangulamento com chave de rins.

Primeira Medalha do Brasil

Baianinho foi com a seleção brasileira disputar o primeiro Pan Americano em 1951 e se tornou vice campeão peso pesado no estilo livre.

baianinhovsgatinho1

Integrava a seleção brasileira de luta livre olímpica desde 1948 e foi treinador e campeão nacional nessa modalidade até o final dos anos 50.

baianinhofausto1957
Desafio a Carlson Gracie junto ao seu treinador, Fausto Brunocilla, em 1957.

Chegou a desafiar o Carlson Gracie na modalidade de luta olímpica em 1957 e não tendo resposta o desafiou para um vale-tudo. A academia Gracie aceitou o desafio em luta livre americana e Baianinho pediu 5 meses de prazo para a luta, logo massacrado nos jornais pelos Gracies por um prazo tão longo. Essa luta nunca chegou a aconteceu, com 5 meses Baianinho foi aos jornais e não teve mais resposta da Academia Gracie.

Campeão de Judo, Jiujitsu e Vale-Tudo

Mesmo não praticando com Kimono, Baianinho entrou no campeonato carioca de Jiu Jitsu de 1950 realizado pela academia Gracie e empatou a única luta que fez.

Foi vice-campeão brasileiro em 1957 de Judo mesmo nunca ter praticado essa arte.

baianinhovsgatinho2

Fez uma preliminar da luta do Kato contra o Hélio Gracie, participou de preliminar da uma das lutas do Carlson contra o Waldemar e lutou contra Sakai nas regras do Jiu Jitsu, principal aluno de George Gracie nos anos 50.

baianinhovsgatinho3

Baianinho lutava qualquer desafio e nunca se recusou a um adversário, foi aluno do Tatu por muitos anos e continuou com Fausto Brunocilla, herdeiro natural do Tatu e única linha da Luta Livre Esportiva brasileira existente.

baianinhovskojack1952

Uma opinião sobre “Baianinho”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.